Home   |   Expediente   |   Publicidade   |   Cadastre-se   |   Fale Conosco             

Política

21 de Setembro de 2020 as 12:09:49



JUIZ BRETAS x CRISTIANO ZANIN - OAB acusa MP e Bretas de Malabarismo Jurídico



OAB acusa MP e Bretas de malabarismo jurídico para  manter o caso correndo na primeira instância
 
A OAB Ordem dos Advogados do Brasil entrou com uma representação no STF Supremo Tribunal Federal na última quarta-feira, 16, na tentativa de anular as diligências determinadas por Bretas na Operação E$quema S.
                                        
A entidade sustenta que as apurações envolvem autoridades com prerrogativa de foro e, por isso, a competência para julgar e processar o caso seria do Supremo Tribunal Federal. Além disso, acusa o Ministério Público Federal no Rio de empreender um "malabarismo jurídico" na tentativa de manter o caso correndo na primeira instância.
 
"Como parte dessa estratégia, a investida contra o exercício da advocacia e suas prerrogativas tornou-se o caminho mais apropriado, inclusive porque, para além de permitir a manipulação dos fatos para atrair a invocação de tipos penais em tese perpetrados apenas por agentes privados (exploração de prestígio e tráfico de influência), possibilitou aos investigadores/acusadores a adoção de medidas constritivas voltadas a afastar de forma ilegal e abusiva a inviolabilidade dos escritórios de advocacia",
 
diz um trecho da ação.
 
A OAB critica ainda a ordem de busca contra os advogados sob alegação de que a decisão proferida por Bretas foi "genérica" e não apresentou delimitação temática e temporal para conduzir seu cumprimento o que, segundo a entidade, abriu brecha para a apropriação de elementos sensíveis e não relacionados com a investigação.
 
"As autoridades policiais incumbidas de sua execução foram autorizadas a realizar buscas e apreensões extremamente invasivas, podendo se apropriar de elementos sensíveis, estranhos ao âmbito da própria investigação, com relação aos advogados e aos escritórios de advocacia atingidos, bem como em relação aos seus clientes, potencializando grave exposição e até preocupantes vazamentos como a experiência mostra ser a regra no âmbito da denominada "Operação Lava-Jato",
 
argumenta a OAB.
 
A decisão de Bretas
 
O juiz federal Marcelo Bretas, da 7ª Vara Federal Criminal do Rio de Janeiro, determinou o bloqueio de R$ 237,3 milhões do criminalista Cristiano Zanin Martins, advogado do ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva na Lava Jato. A decisão foi tomada no dia 1º e tornada pública no sábado, 19, quando o magistrado levantou o sigilo dos autos do documento.
 
Bretas também bloqueou R$ 32,1 milhões do associado de Zanin, Roberto Teixeira, e outros R$ 237 mil do escritório de advocacia dos criminalistas.


Fonte: OAB, O Estado, MSN





Indique a um amigo     Imprimir     Comentar notícia

>> Últimos comentários

NOTÍCIAS DA FRANQUEADORA E EMPRESAS DO SEGMENTO


  Outras notícias.
METRO BH - Bolsonaro inclui Linha 2 no Programa de Privatizações 21/10/2020
METRO BH - Bolsonaro inclui Linha 2 no Programa de Privatizações
 
RODRIGO MAIA, Pró-Mercado, descarta prorrogar Estado de Calamidade 18/10/2020
RODRIGO MAIA, Pró-Mercado, descarta prorrogar Estado de Calamidade
 
AUXÍLIO EMERGENCIAL EM 2021 - Guedes Nega Continuidade dos Pagamentos 17/10/2020
AUXÍLIO EMERGENCIAL EM 2021 - Guedes Nega Continuidade dos Pagamentos
 
CORREIOS Fábio Faria entrega projeto de desestatização a Bolsonaro 14/10/2020
CORREIOS Fábio Faria entrega projeto de desestatização a Bolsonaro
 
GUEDES defende reformas e rigor fiscal em apresentação ao Comitê do FMI 13/10/2020
GUEDES defende reformas e rigor fiscal em apresentação ao Comitê do FMI
 
STF Marco Aurélio solta André Rap e Fux prende chefe do PCC novamente 11/10/2020
STF Marco Aurélio solta André Rap e Fux prende chefe do PCC novamente
 
RECONHECIMENTO FACIAL Governo implanta Projeto em Aeroportos 10/10/2020
RECONHECIMENTO FACIAL Governo implanta Projeto em Aeroportos
 
TETO DE GASTOS Rodrigo Maia Maia defende a Regulamentação 06/10/2020
TETO DE GASTOS Rodrigo Maia Maia defende a Regulamentação
 
INSS - Prova de vida de pensionistas e aposentados é suspensa até 31.10 02/10/2020
INSS - Prova de vida de pensionistas e aposentados é suspensa até 31.10
 
PROGRAMA RENDA CIDADÃ terá Fonte Permanente de Recursos, diz Paulo Guedes 01/10/2020
PROGRAMA RENDA CIDADÃ terá Fonte Permanente de Recursos, diz Paulo Guedes
 
Escolha do Editor
Curtas & Palpites