Home   |   Expediente   |   Publicidade   |   Cadastre-se   |   Fale Conosco             

Investimentos

Quarta-Feira, Dia 16 de Setembro de 2020 as 22:09:19



MERCADOS - Fechamento em 16.09.2020: Mercado Interno e Externo



MERCADOS - Fechamento  em 16.09.2020
 
Mercado EXTERNO
 
Mercados ficaram voláteis com FOMC e entrevista de Powell, e acabaram fechando mistos
 
  Nos EUA, em sua reunião de política monetária (FOMC), o Fed decidiu manter suas taxas de juros estáveis, entre 0% e 0,25%, como era esperado. No comunicado, as revisões resultaram em melhora da projeção do PIB p/ este ano, de contração de 6,5% p/ queda de 3,7%, da taxa de desemprego (de 9,3% p/ 7,6%) e do índice de inflação PCE (de 0,8% p/ 1,2%). As projeções também apontaram expectativa de manutenção da taxa de juros até 2022, com alta somente a partir de 2023.
 
  Ressaltaram que continuarão utilizando todas as ferramentas necessárias p/ alcançar seu objetivo de máximo emprego e inflação de 2% no longo prazo, mas que ainda será preciso apoio fiscal, e que a retomada da economia dependerá da evolução do coronavírus.
 
  Na entrevista, Powell reiterou todo apoio à economia, que a política monetária continuará acomodatícia até que a expansão esteja adequada, defendeu o novo foward guidance da instituição e disse que a inflação pode ficar acima da meta por algum tempo p/ compensar os períodos de contração.
 
  Ao fim, as avaliações sobre o comunicado FOMC e a entrevista de Powell foram mistas com alguns focando na promessa de estímulo econômico, e outros no alerta de que a recuperação pode ser mais lenta p/ alguns setores.
 
  Bolsas: Em NY, índices operaram voláteis com FOMC e Powell, com SP500 terminando levemente positivo e o Dow Jones e Nasdaq em queda. No Nasdaq pesou mais a queda do setor de tecnologia, com o Facebook puxando as baixas após boicote de celebridades a uma de suas redes (Instagram).
 
  Juros: As yields dos treasuries também tiveram forte oscilação com FOMC e Powell, mas fecharam em alta nas partes média e longa, e em queda na curta.
 
  Câmbio: o dólar chegou a ampliar sua desvalorização ante todas as moedas após o FOMC, mas oscilou com Powell e acabou dividido. Entre as principais, o dólar subiu perante o euro, mas seguiu fraco contra iene e libra. Entre as emergentes, apesar de dividido, terminou majoritariamente fraco.
 
Mercado INTERNO
 
Mercados operaram voláteis, influenciados por FOMC e à espera do COPOM
 
  No Brasil, a volatilidade dos mercados vista desde a abertura, intensificou após anúncio do FOMC e fala do presidente do FED, Jerome Powell, movimentando principalmente o câmbio. Além disso, os agentes aguardam o comunicado do COPOM, que deve manter a taxa básica de juros nos atuais 2%.
 
  As preocupações com o quadro fiscal também continuam no radar dos investidores, um dia após Bolsonaro suspender temporariamente qualquer tratativa sobre o programa Renda Brasil. Mesmo assim, o senador Márcio Bittar (MDB-AC), relator do Orçamento e que tem grande proximidade com Guedes, voltou ao tema hoje ao declarar que o presidente autorizou o desenvolvimento de um novo programa social.
 
  Vale ressaltar que congressistas de esquerda e centro-esquerda reagiram à atitude de Bolsonaro e prometem retomar as discussões sobre o programa Renda Mínima, que já tramitava antes do Renda Brasil. O receio do mercado, neste caso, seria em função do desenvolvimento de um programa social sem a assinatura de Guedes
 
  Dólar: segue para fechar em queda frente ao real, alinhado ao movimento da maioria das moedas emergentes. A divisa americana, que já apresentava queda marginal antes do FOMC, intensificou a queda após o discurso do presidente do FED.
 
  Juros: fecharam em alta em todos os vértices, com mais intensidade nos vencimentos médios e longos, com as preocupações no âmbito fiscal e expectativa de oferta de volume robusto de títulos do Tesouro.
 
  Ibovespa: fechou em queda, perdendo o patamar dos 100 mil pontos. A bolsa brasileira chegou a ensaiar alta junto com a melhora das bolsas em NY logo após decisão do FED, mas perdeu força, assim como aconteceu com Nasdaq lá fora. Por aqui, pressionaram o índice para baixo as ações da Vale, varejistas, construção civil e parte dos bancos.
 
Confira no anexo a íntegra do relatório preparado por ROGER MARÇAL, macroestrategista chefe, RÔMULO ALVES e MIRELA DE CASTRO, integrantes do BB DIMEF MacroEstratégia

Clique aqui para acessar o aquivo PDF

Fonte: Roger Marçal – Macro Estrategista Chefe rogermarcal@bb.com.br Rômulo Ramos Alves ralves@bb.com.br Mirela de Castro Rampini mirelarampini@bb.com.br





Indique a um amigo     Imprimir     Comentar notícia

>> Últimos comentários

NOTÍCIAS DA FRANQUEADORA E EMPRESAS DO SEGMENTO


  Outras notícias.
OS MERCADOS FECHAMENTO em 26.10.2020: Sentimento Global de Aversão ao Risco contamina bolsa brasileira 26/10/2020
OS MERCADOS FECHAMENTO em 26.10.2020: Sentimento Global de Aversão ao Risco contamina bolsa brasileira
 
GUIA DE AÇÕES, 23.10: VEJA AQUI AS COTAÇÕES. Avalie se convem investir. 26/10/2020
GUIA DE AÇÕES, 23.10: VEJA AQUI AS COTAÇÕES. Avalie se convem investir.
 
OS MERCADOS FECHAMENTO em 23.10.2020: Queda por realização de lucros 23/10/2020
OS MERCADOS FECHAMENTO em 23.10.2020: Queda por realização de lucros
 
OS MERCADOS - Abertura em 23.10.2020: Em Linha com o Ambiente Externo 23/10/2020
OS MERCADOS - Abertura em 23.10.2020: Em Linha com o Ambiente Externo
 
GUIA DE AÇÕES, 21.10: VEJA AQUI AS COTAÇÕES. Avalie se convem investir. 22/10/2020
GUIA DE AÇÕES, 21.10: VEJA AQUI AS COTAÇÕES. Avalie se convem investir.
 
OS MERCADOS - Fechamento em 22.10.2020: Otimismo Cauteloso 22/10/2020
OS MERCADOS - Fechamento em 22.10.2020: Otimismo Cauteloso
 
MERCADOS - FECHAMENTO  em 21.10.2020 No aguardo de definição do Pacote Fiscal 21/10/2020
MERCADOS - FECHAMENTO em 21.10.2020 No aguardo de definição do Pacote Fiscal
 
CONEXÃO MERCADO – AGORA 21.10.2020: Investidores aguardam definição do Pacote Fiscal nos EUA 21/10/2020
CONEXÃO MERCADO – AGORA 21.10.2020: Investidores aguardam definição do Pacote Fiscal nos EUA
 
OS MERCADOS FECHAMENTO em 20.10.2020 Expectativa de Pacote Fiscal nos EUA 20/10/2020
OS MERCADOS FECHAMENTO em 20.10.2020 Expectativa de Pacote Fiscal nos EUA
 
GUIA DE AÇÕES, 15.10: VEJA AQUI AS COTAÇÕES. Avalie se convem investir. 16/10/2020
GUIA DE AÇÕES, 15.10: VEJA AQUI AS COTAÇÕES. Avalie se convem investir.
 
Escolha do Editor
Curtas & Palpites