Home   |   Expediente   |   Publicidade   |   Cadastre-se   |   Fale Conosco             

Investimentos

26 de Agosto de 2020 as 23:08:03



O MERCADO, 26.08 IBOVESPA caiu 1,46% a 100.627 pts. DÓLAR sobe a R$ 5,612



Diário do Mercado na 4ª feira, 26.08.2020
Ibovespa cai, divergindo do exterior, com tema fiscal no foco
 
Comentário.
 
O índice brasileiro denotou movimento similar ao da véspera – principiou em campo positivo, mas logo entrou em baixa, que terminou se acentuando na parte da tarde. Internamente, a cautela dos agentes gira, como tem sido praxe nestas duas últimas semanas, em torno da questão fiscal.
 
O governo adiou para sexta-feira o anúncio do plano “Renda Brasil”, que poderá conter alguma reformulação até lá, não se sabendo de antemão como ficará seu impacto fiscal e se faz presente em momentos de realizações.
 
Enfim, via de regra, a incerteza derruba mais o mercado do que o fato consumado. De toda a sorte, mesmo se descolando negativamente das bolsas de Nova York, o Ibovespa ainda segurou o limite psicológico dos 100 mil pts.
 
Externamente, nos EUA, os investidores ficaram mais propensos ao risco com uma sinalização, mesmo que incipiente, que o coronavírus pode estar desacelerando em território norte-americano.
 
No mais, o mercado aguarda o discurso de amanhã do presidente do Fed, Jerome Powell, em evento tradicional em Jackson Hole. O otimismo somente não foi maior pela passagem do furacão Laura no Golfo do México, que pode afetar o sul dos Estados Unidos.
 
Neste panorama, os índices S&P500 e Nasdaq perfomaram novos recordes históricos e o índice Dow Jones também registrou alta.
 
O dólar comercial denotou tendência de alta ao longo da sessão, indo a R$5,6120 (+1,56%). Nos juros futuros, exceto o curtíssimo, mostraram firmes avanços em todos os vencimentos.
 
Ibovespa.
 
O índice entrou em campo negativo logo após a primeira hora de negócios, decaindo rapidamente após o meio dia, ficando basicamente ao redor de baixa de -1,50% na parte da tarde. Os papéis do setor de banco, a Petrobras e a B3 pesaram sobre p índice, mas a Vale encerrou em alta.
 
O Ibovespa fechou aos 100.627 pts (-1,46%), acumulando agora -0,88% na semana, -2,22% no mês, -12,99% no ano e +4,35% em 12 meses. O preliminar giro financeiro da Bovespa foi de R$ 29,7 bilhões, sendo R$ 26,9 bilhões no mercado à vista.
 
Capitais Externos na Bolsa B3
 
No dia 22 de agosto, a Bovespa mostrou retirada líquida de R$ 801,972 milhões em capital estrangeiro, mas acumulando entrada líquida de R$ 1,726 bilhão no mês (após saída líquida de R$ 8,408 bilhões em julho).
 
Em 2020, o saldo  negativo situa-se  em -R$ 83,186 bilhões (acima da saída líquida anual recorde de -R$ 44,517 bilhões em 2019).
 
Agenda Econômica.
 
Nos EUA os pedidos de bens duráveis variaram +11,2% na prévia de julho, vindo acima tanto de +7,7% do dado anterior, como de +4,8% do consenso. Excluindo o item transporte, o indicador oscilou +2,4% versus +4,0% do dado anterior e maior do que o consenso de +2,0%.
 
Câmbio e CDS.
 
O dólar comercial oscilou inicialmente ao redor da estabilidade, mas, ainda pela manhã, seguiu em tendência ascendente até o fechamento. O Banco Central interveio com dois leilões de linha, ofertando US$ 1,5 bilhão e vendendo US$ 650 milhões, visando suprir liquidez ao mercado.
 
A moeda fechou cotada a R$ 5,6120 (+1,56%), acumulando +0,11% na semana, +7,57% no mês, +39,88% no ano e +35,59% em 12 meses.
 
Risco-País
 
O risco-país (CDS Brasil de 5 anos) subiu para 223 pts versus 215 pts do dia anterior.
 
Juros.
 
Os juros futuros tiveram firmes altas, menos o de curtíssimo prazo, elevando a inclinação de sua curva de estrutura a termo. A questão fiscal e a subida do dólar impactaram o comportamento na sessão. Assim fecharam as taxas em relação à sessão anterior:
 
DI set/2020   em 1,900%   de 1,910%;
DI outubro/2020 em 1,924% de 1,914%;
DI Janeiro/2021 em 1,980% em 1,945%;
DI Janeiro/2022 em 2,83% de 2,75%;
DI janeiro/2023 em 4,07% de 3,93%;
DI janeiro/2025 em 5,96% de 5,75%;
DI janeiro/2027 em 6,97% de 6,76%.
 
Confira no anexo a integra do relatório preparado a respeito por HAMILTON MOREIRA ALVES, CNPI-T, e RENATO ODO, CNPI-P, ambos integrantes do BB Investimento

Clique aqui para acessar o aquivo PDF

Fonte: HAMILTON MOREIRA ALVES, CNPI-T, e RENATO ODO, CNPI-P ambos do BB Investimentos





Indique a um amigo     Imprimir     Comentar notícia

>> Últimos comentários

NOTÍCIAS DA FRANQUEADORA E EMPRESAS DO SEGMENTO


  Outras notícias.
OS MERCADOS FECHAMENTO em 26.10.2020: Sentimento Global de Aversão ao Risco contamina bolsa brasileira 26/10/2020
OS MERCADOS FECHAMENTO em 26.10.2020: Sentimento Global de Aversão ao Risco contamina bolsa brasileira
 
GUIA DE AÇÕES, 23.10: VEJA AQUI AS COTAÇÕES. Avalie se convem investir. 26/10/2020
GUIA DE AÇÕES, 23.10: VEJA AQUI AS COTAÇÕES. Avalie se convem investir.
 
OS MERCADOS FECHAMENTO em 23.10.2020: Queda por realização de lucros 23/10/2020
OS MERCADOS FECHAMENTO em 23.10.2020: Queda por realização de lucros
 
OS MERCADOS - Abertura em 23.10.2020: Em Linha com o Ambiente Externo 23/10/2020
OS MERCADOS - Abertura em 23.10.2020: Em Linha com o Ambiente Externo
 
GUIA DE AÇÕES, 21.10: VEJA AQUI AS COTAÇÕES. Avalie se convem investir. 22/10/2020
GUIA DE AÇÕES, 21.10: VEJA AQUI AS COTAÇÕES. Avalie se convem investir.
 
OS MERCADOS - Fechamento em 22.10.2020: Otimismo Cauteloso 22/10/2020
OS MERCADOS - Fechamento em 22.10.2020: Otimismo Cauteloso
 
MERCADOS - FECHAMENTO  em 21.10.2020 No aguardo de definição do Pacote Fiscal 21/10/2020
MERCADOS - FECHAMENTO em 21.10.2020 No aguardo de definição do Pacote Fiscal
 
CONEXÃO MERCADO – AGORA 21.10.2020: Investidores aguardam definição do Pacote Fiscal nos EUA 21/10/2020
CONEXÃO MERCADO – AGORA 21.10.2020: Investidores aguardam definição do Pacote Fiscal nos EUA
 
OS MERCADOS FECHAMENTO em 20.10.2020 Expectativa de Pacote Fiscal nos EUA 20/10/2020
OS MERCADOS FECHAMENTO em 20.10.2020 Expectativa de Pacote Fiscal nos EUA
 
GUIA DE AÇÕES, 15.10: VEJA AQUI AS COTAÇÕES. Avalie se convem investir. 16/10/2020
GUIA DE AÇÕES, 15.10: VEJA AQUI AS COTAÇÕES. Avalie se convem investir.
 
Escolha do Editor
Curtas & Palpites