Home   |   Expediente   |   Publicidade   |   Cadastre-se   |   Fale Conosco             

Saúde

Segunda-Feira, Dia 06 de Abril de 2020 as 18:04:43



SÃO PAULO - Prefeitura interdita Comércio que descumpriu Quarentena



Prefeitura de SP interdita 46 comércios por descumprirem quarentena
 
São Paulo tem 4.620 casos confirmados de coronavírus
 
O prefeito de São Paulo, Bruno Covas, informou nesta 2ª feira, 06.04, que 46 estabelecimentos comerciais já foram lacrados na capital paulista por desrespeitarem o decreto de quarentena.
 
Nesse periodo, apenas serviços considerados essenciais, como farmácias, hospitais, transporte público, padarias e supermercados, podem funcionar.
 
“A orientação da prefeitura não é multar, a orientação da prefeitura é lacrar. Então, a gente passa direto da multa para a interdição. Já foram 46 estabelecimentos interditados”,
 
 
disse o prefeito.
 
Coronavírus
 
O estado de São Paulo tem 4.620 casos confirmados de coronavírus, com 275 mortes. Há ainda 572 pacientes internados em unidades de terapia intensiva. Só na capital paulista são 3.612 dos casos confirmados.
 
Segundo o prefeito Bruno Covas, a cidade sentiu a pressão sobre o sistema de saúde já nesse último final de semana, com o aumento de casos.
 
“Infelizmente, ainda não atingimos o pico da doença aqui na cidade de São Paulo. Nesse final de semana, começamos a sentir pressão sobre o sistema de saúde aqui no município de São Paulo. Apesar de todo o esforço de criação de três mil leitos adicionais na cidade, sendo 900 deles de UTI, sentimos nesse final de semana, pressão”,
 
disse o prefeito.
 
Ele citou o caso do hospital de campanha do Pacaembu, inaugurado nesta 2ª feira, 06.04, com 200 leitos à disposição para internação de casos de menos complexidade. Segundo ele, até amanhã, 07.04, 25% dos leitos do Pacaembu já estarão ocupados.
 
Quarentena
 
Mais cedo, o governador de São Paulo, João Doria, anunciou a prorrogação da quarentena no estado por mais 15 dias. Nesse período somente os serviços essenciais, como supermercados e farmácias, podem funcionar normalmente. Para que o isolamento social seja mantido, ele disse que a Polícia Militar e a Guarda Civil poderão intervir para impedir a formação de aglomeração.
 
A quarentena, prevista para se encerrar em 07.04, vai continuar até o dia 22 de abril. A medida vale para todos os 645 municípios do estado.


Fonte: AGENCIA BRASIL. Chamada de Capa da Redação JF. Imagem de arquivo.





Indique a um amigo     Imprimir     Comentar notícia

>> Últimos comentários

NOTÍCIAS DA FRANQUEADORA E EMPRESAS DO SEGMENTO


  Outras notícias.
FRACASSO Brasil teve 480 mortes em 24h pela Covid-19 e totalizou 29.314 no domingo 01/06/2020
FRACASSO Brasil teve 480 mortes em 24h pela Covid-19 e totalizou 29.314 no domingo
 
AUXÍLIO EMERGENCIAL - Saiba AQUI como pedir 15/04/2020
AUXÍLIO EMERGENCIAL - Saiba AQUI como pedir
 
FGV Estudo avalia Preparo dos Profissionais de Saúde para Pandemia 31/05/2020
FGV Estudo avalia Preparo dos Profissionais de Saúde para Pandemia
 
RIO DE JANEIRO - 91% é a Taxa de Ocupação de Leitos de UTI para Covid-19 31/05/2020
RIO DE JANEIRO - 91% é a Taxa de Ocupação de Leitos de UTI para Covid-19
 
CAPITAL PAULISTA prorroga Quarentena até 15 de Junho 31/05/2020
CAPITAL PAULISTA prorroga Quarentena até 15 de Junho
 
Brasil totalizou no sábado quase 500 mil casos de Covid-19 e 28.834 mortes 31/05/2020
Brasil totalizou no sábado quase 500 mil casos de Covid-19 e 28.834 mortes
 
ALTAS HOSPITALARES são quase 19 mil após tratamento de COVID-19  em SP 29/05/2020
ALTAS HOSPITALARES são quase 19 mil após tratamento de COVID-19 em SP
 
COVID-19: Brasil soma 26.754 mortes em  438.238 casos confirmados até 28.05 29/05/2020
COVID-19: Brasil soma 26.754 mortes em 438.238 casos confirmados até 28.05
 
COVID-19 Monitoramento no Brasil e no Mundo Impacto sobre Setores da Economia 27.05.2020 28/05/2020
COVID-19 Monitoramento no Brasil e no Mundo Impacto sobre Setores da Economia 27.05.2020
 
BRASIL já tem 25.598 mortos por COVID-19, 1.086 mortes em 24 horas 28/05/2020
BRASIL já tem 25.598 mortos por COVID-19, 1.086 mortes em 24 horas
 
Escolha do Editor
Curtas & Palpites