Home   |   Expediente   |   Publicidade   |   Cadastre-se   |   Fale Conosco             

Internacional

04 de Janeiro de 2020 as 13:01:20



TEL AVIV e 35 alvos dos EUA no Oriente Médio ao alcance do IRÃ


Míssel iraniano (imagem de arquivo)
Comandante iraniano: Tel Aviv e 35 alvos dos EUA no Oriente Médio estão ao alcance do Irã
 
Assim como Tel Aviv, 35 alvos vitais americanos no Oriente Médio estão "ao alcance do Irã", disse o comandante da Guarda Revolucionária do Irã, Gholamali Abuhamzeh, citado pela agência de notícias Tasnim.
 
"O estreito de Ormuz é um ponto vital para o Ocidente e um grande número de destróieres e navios de guerra americanos cruzam lá [...] Alvos vitais americanos na região foram identificados pelo Irã há muito tempo [...] cerca de 35 alvos americanos na região, bem como Tel Aviv, estão ao nosso alcance",
 
disse ele à mídia.
 
O comandante iraniano acrescentou que Teerã se reserva o direito de retaliar contra os EUA pelo assassinato do chefe da Força Quds, levantando a perspectiva de possíveis ataques a navios no Golfo.
 
Neste sábado, 04.01, o líder da coalizão política parlamentar do Hezbollah no Líbano, Mohamed Raad, declarou que a resposta do eixo de resistência apoiado pelo Irã ao assassinato do general seria decisiva, citou o Al-Mayadeen.
 
O Departamento de Estado sublinhou que Washington vai continuar a sua dura política de sanções contra o Irã e já tomou as medidas necessárias para proteger os seus bens no Oriente Médio, acrescentou a emissora Al-Arabiya.
 
Assassinato de Soleimani
 
As tensões entre Washington e Teerã aumentaram após a morte do general iraniano Qassem Soleimani, que foi assassinado em Bagdá na 6ª feira, 03.01, durante um ataque aéreo autorizado pelo presidente norte-americano Donald Trump.
 
Os EUA descreveram a sua ação como uma medida preventiva para evitar um conflito militar e proteger os militares americanos que estão na região.
 
Após o assassinato de Soleimani, as autoridades iranianas ameaçaram retaliar para vingar a morte do general. Ele foi sucedido pelo brigadeiro-general Esmail Ghaani, que anteriormente ocupava o cargo de comandante-adjunto da unidade.
 


Fonte: SPUTNIKNEWS

 
Indique a um amigo     Imprimir     Comentar notícia

>> Últimos comentários

NOTÍCIAS DA FRANQUEADORA E EMPRESAS DO SEGMENTO


  Outras notícias.
BRASIL  precisa se fechar, diz Trump em telefonema a Bolsonaro 02/04/2020
BRASIL precisa se fechar, diz Trump em telefonema a Bolsonaro
 
SOFT POWER - Com 4 mil mortos e 190 mil infectados, EUA recebem equipamentos médicos cedidos pela RÚSSIA 02/04/2020
SOFT POWER - Com 4 mil mortos e 190 mil infectados, EUA recebem equipamentos médicos cedidos pela RÚSSIA
 
EUA se aproveitam de pandemia para pressionar Venezuela, diz senador paraguaio 01/04/2020
EUA se aproveitam de pandemia para pressionar Venezuela, diz senador paraguaio
 
VENEZUELA rejeita plano de Mike Pompeu de governo interino 01/04/2020
VENEZUELA rejeita plano de Mike Pompeu de governo interino
 
ARGENTINA - 27 Mortos e.1.054 infectados pelo COVID19 01/04/2020
ARGENTINA - 27 Mortos e.1.054 infectados pelo COVID19
 
TRUMP: 30/03/2020
TRUMP: "Manter em 100 mil mortos nos EUA pela Covid-19 seria um 'trabalho muito bom'"
 
MOSCOU inicia regime de isolamento domiciliar 30/03/2020
MOSCOU inicia regime de isolamento domiciliar
 
CHINA prepara defesa contra Segunda Onda de Coronavírus 30/03/2020
CHINA prepara defesa contra Segunda Onda de Coronavírus
 
RÚSSIA Agência Biomédica Federal apresenta Medicamento para COVID-19 29/03/2020
RÚSSIA Agência Biomédica Federal apresenta Medicamento para COVID-19
 
COREIA DO NORTE lança Projéteis de Curto Alcance 29/03/2020
COREIA DO NORTE lança Projéteis de Curto Alcance
 
Escolha do Editor
Curtas & Palpites