Home   |   Expediente   |   Publicidade   |   Cadastre-se   |   Fale Conosco             

Internacional

20 de Novembro de 2012 as 03:11:30



MOOD´S - Agência de Risco rebaixa os títulos do governo da França



 

A agência internacional de classificação de riscos MOODY´S Investors Services rebaixou em um nível, nesta 2ª feira, 19.11, a avaliação dos títulos do governo da França, de Aaa para Aa1. Alem disso, manteve a perspectiva negativa a respeito desses títulos.

 

A medida segue a decisão da própria MOODY´S, de 23.07.2012, de mudar para a perspectiva negativa os títulos dos governos da Alemanha, de Luxemburgo e dos Países Baixos. Naquela ocasião, a MOODY´S anunciou que iria reavaliar o rating Aaa da França e sua perspectiva, para determinar o impacto do elevado risco de saída da Grécia da Zona do Euro, a probabilidade de apoio coletivo soberano da Zona do Euro e a paralização do crescimento econômico.

 

A decisão da Moody para classificação em rebaixamento da França e manter a perspectiva negativa reflete os seguintes principais fatores inter-relacionados:

 

1) As perspectivas de crescimento econômico  de longo prazo da França são afetadas negativamente por vários desafios estruturais, incluindo a perda gradual e sustentação da competitividade e da rigidez de longo prazo de seu trabalho, de mercados de bens e de serviços.

 

2) É incerta a perspectiva fiscal da França resultante da deterioração das perspectivas econômicas, tanto no curto prazo, devida à demanda interna e externa reprimidas, e, a longo prazo, devida à rigidez estrutural mencionado acima.

 

3) O nível de resiliência previsível da França a futuros choques na Zona do Euro está diminuindo em virtude dos riscos crescentes ao crescimento econômico, ao desempenho fiscal e aos custos de financiamento. É desproporcionalmente grande a exposição da França à periferia da Europa, através de suas ligações comerciais e de seu sistema bancário; e tem se tornado cada vez maiores as suas obrigações contingentes para apoiar outros membros da área do euro. Além disso, ao contrário de outros membros soberanos da zona não-euro, que também levam elevados ratings, a França não tem acesso a um banco central nacional para o financiamento de sua dívida, em caso de perturbações do mercado.

 

Ao mesmo tempo, a Moody pondera que a França continua a ser avaliada de forma extremamente alta, em Aa1, por causa da significativa força do crédito do país, que inclui (i) uma grande e diversificada economia que sustenta a resiliência econômica francesa (ii) um forte compromisso com reformas estruturais e com a consolidação orçamentária, como expressam recentes anúncios do governo, que podem, a médio prazo, mitigar alguns dos fatores de rigidez estrutural e melhorar a dinâmica da dívida da França.

 

fonte: http://www.moodys.com/research/Moodys-downgrades-Frances-government-bond-rating-to-Aa1-from-Aaa--PR_260071



Fonte: MOODY´S Investors Service





Indique a um amigo     Imprimir     Comentar notícia

>> Últimos comentários

NOTÍCIAS DA FRANQUEADORA E EMPRESAS DO SEGMENTO


  Outras notícias.
OCDE antevê recuperação da economia global puxada pela China no pós-Covid-19 01/12/2020
OCDE antevê recuperação da economia global puxada pela China no pós-Covid-19
 
EURO suplantou o DÓLAR como Moeda preferida para Pagamentos Globais em Outubro 24/11/2020
EURO suplantou o DÓLAR como Moeda preferida para Pagamentos Globais em Outubro
 
CRISE NOS EUA viabiliza YUAN como 1ª Moeda Mundial em Substituição ao DÓLAR 30/11/2020
CRISE NOS EUA viabiliza YUAN como 1ª Moeda Mundial em Substituição ao DÓLAR
 
IRÁ promete resposta 'Calculada e Precisa' ao Assassinato de Cientista nuclear 30/11/2020
IRÁ promete resposta 'Calculada e Precisa' ao Assassinato de Cientista nuclear
 
WIKILEAKS revela como CIA acedia a Smartphones e Televisores 07/03/2017
WIKILEAKS revela como CIA acedia a Smartphones e Televisores
 
IRÃ - Cientista Nuclear é assassinado. Suspeitas caem sobre Israel. SAIBA TUDO AQUI. 28/11/2020
IRÃ - Cientista Nuclear é assassinado. Suspeitas caem sobre Israel. SAIBA TUDO AQUI.
 
QUATRO PAISES, responsáveis por 70% das mortes de COVID-19 27/11/2020
QUATRO PAISES, responsáveis por 70% das mortes de COVID-19
 
TRUMP deixará a Casa Branca se o Colégio Eleitoral der vitória a Biden 26/11/2020
TRUMP deixará a Casa Branca se o Colégio Eleitoral der vitória a Biden
 
DIEGO MARADONA será velado na Casa Rosada 25/11/2020
DIEGO MARADONA será velado na Casa Rosada
 
DIEGO MARADONA Luto no Futebol Mundial, Morreu nesta 4ª o Grande Ídolo Argentino 25/11/2020
DIEGO MARADONA Luto no Futebol Mundial, Morreu nesta 4ª o Grande Ídolo Argentino
 
Escolha do Editor
Curtas & Palpites