Home   |   Expediente   |   Publicidade   |   Cadastre-se   |   Fale Conosco             

Internacional

26 de Setembro de 2018 as 03:09:55



COREIA DO SUL Tropas dos EUA deixariam Seul com a Reunificação das Coreias?


Moon Jae-in, presidente sul-coreano
 
 
Tropas dos EUA deixariam Seul com a reunificação das Coreias?
Moon responde
 
 
O presidente sul-coreano Moon Jae-in disse em uma entrevista à rede norte-americana Fox News que a presença das forças dos EUA na península coreana ainda seria necessária, mesmo se os dois países divididos assinassem um tratado de paz e a reunificação ocorresse.
 
Perguntado se ele queria que as tropas dos EUA deixassem a península um dia, ele respondeu: "eu diria que não".
 
"As forças dos EUA na Coreia do Sul não apenas beneficiam nossa dissuasão em relação à Coreia do Norte, mas também desempenham um papel importante em termos de manter a paz e a estabilidade na região do Nordeste Asiático como um todo",
 
declarou Moon.
 
"Mesmo depois que o tratado de paz for assinado e mesmo depois que a unificação for alcançada, eu posso ver as forças dos EUA permanecerem na Coreia para a paz e estabilidade da região do Nordeste Asiático",
 
acrescentou.
 
Durante a entrevista, o presidente da Coreia do Sul também expressou a crença de que a cúpula entre Washington e Pyongyang acontecerá antes do final do ano.
 
A situação na península coreana melhorou significativamente desde o início do ano, com o líder norte-coreano Kim Jong-un e Moon tendo realizado três reuniões bilaterais, o que resultou em sua promessa de lutar por um tratado de paz.
 
Em junho, Kim chegou a um acordo com o presidente dos Estados Unidos, Donald Trump, estipulando que a Coreia do Norte se esforçaria para promover a desnuclearização completa em troca da suspensão dos exercícios militares sul-coreanos e potenciais sanções.
 
"Mesmo depois que o tratado de paz for assinado e mesmo depois que a unificação for alcançada, eu posso ver as forças dos EUA permanecerem na Coreia para a paz e estabilidade da região do Nordeste Asiático",
 
acrescentou.
 
Durante a entrevista, o presidente da Coreia do Sul também expressou a crença de que a cúpula entre Washington e Pyongyang acontecerá antes do final do ano.
 
A situação na península coreana melhorou significativamente desde o início do ano, com o líder norte-coreano Kim Jong-un e Moon tendo realizado três reuniões bilaterais, o que resultou em sua promessa de lutar por um tratado de paz.
 
Em junho, Kim chegou a um acordo com o presidente dos Estados Unidos, Donald Trump, estipulando que a Coreia do Norte se esforçaria para promover a desnuclearização completa em troca da suspensão dos exercícios militares sul-coreanos e potenciais sanções.
 
 


Fonte: SPUTINIK NEWS





Indique a um amigo     Imprimir     Comentar notícia

>> Últimos comentários

NOTÍCIAS DA FRANQUEADORA E EMPRESAS DO SEGMENTO


  Outras notícias.
OPERAÇÕES ESPECIAIS dos EUA divulga Guia para Derrubar Governos Estrangeiros 19/05/2019
OPERAÇÕES ESPECIAIS dos EUA divulga Guia para Derrubar Governos Estrangeiros
 
AUSTRÁLIA Coalizão Conservadora vence Trabalhistas em Eleições Gerais 19/05/2019
AUSTRÁLIA Coalizão Conservadora vence Trabalhistas em Eleições Gerais
 
AUSTRIA Escândalo derruba Vice-Premiê Ultra-Direitista do Partido FPO 19/05/2019
AUSTRIA Escândalo derruba Vice-Premiê Ultra-Direitista do Partido FPO
 
CRISTINA KIRCHMER anuncia candidatura à vice-presidência da Argentina 18/05/2019
CRISTINA KIRCHMER anuncia candidatura à vice-presidência da Argentina
 
FRACASSO TOTAL para EUA na arena mundial, prediz professor de Harvard 14/05/2019
FRACASSO TOTAL para EUA na arena mundial, prediz professor de Harvard
 
PENTÁGONO  Falcões querem 120 mil soldados no Oriente Médio para 14/05/2019
PENTÁGONO Falcões querem 120 mil soldados no Oriente Médio para "neutralizar" IRÂ
 
ÍNDIA tem eleições neste domingo 11/05/2019
ÍNDIA tem eleições neste domingo
 
JAPÃO Terremoto de Magnitude 6,3 nesta 6ª feira; Reator Nuclear opera normalmente 10/05/2019
JAPÃO Terremoto de Magnitude 6,3 nesta 6ª feira; Reator Nuclear opera normalmente
 
JOHN BOLTON  06/05/2019
JOHN BOLTON "EUA podem lançar ataque próximo ao Irã"
 
GRUPO DE LIMA reafirma apoio a Guaidó e pede solução pacífica para Venezuela 05/05/2019
GRUPO DE LIMA reafirma apoio a Guaidó e pede solução pacífica para Venezuela
 
Escolha do Editor
Curtas & Palpites