Home   |   Expediente   |   Publicidade   |   Cadastre-se   |   Fale Conosco             

Economia

18 de Agosto de 2018 as 01:08:07



ANÁLISE DE CENÁRIO: PIB mensal normaliza em junho



Macro Brasil, 14.08.2018
 
PIB mensal normaliza em junho
 
• O PIB mensal Itaú Unibanco (PM-Itaú) avançou 1,4% em junho, na comparação mensal dessazonalizada, voltando para o nível de abril, antes da paralisação dos caminhoneiros. Ante o mesmo mês do ano anterior, o indicador avançou 1,6%.
 
• No 2T18, o PM-Itaú avançou 0,5% ante o 1T18, resultado ligeiramente superior à nossa projeção para o crescimento do PIB no mesmo período (0,3%).
 
• Para julho, com base em indicadores coincidentes já divulgados, projetamos, por ora, ligeira queda mensal dessazonalizada de 0,2% do PM-Itaú.
 
PIB mensal volta ao mesmo nível de abril
 
O PIB mensal Itaú Unibanco avançou 1,4% em junho ante maio, após ajuste sazonal. Com o resultado, o indicador voltou ao nível de abril (anterior à paralisação dos caminhoneiros), porém sem compensar o que deixou de ser produzido em maio. Na comparação ante o mesmo mês do ano anterior, o indicador apresentou alta de 1,6%.
 
No 2T18 o indicador apresentou crescimento dessazonalizado de 0,5% ante o 1T18, resultado ligeiramente
superior à nossa projeção para o crescimento do PIB no mesmo período (0,3%).
 
Analisando os principais indicadores mensais, temos um quadro de normalização. A produção industrial voltou aos patamares anteriores à paralização dos caminhoneiros, mas sem compensar as perdas de maio; a receita real do setor de serviços compensou parte das perdas (ou seja, apresentou valor ligeiramente acima do observado em abril), e as vendas no varejo (no conceito ampliado) cresceram em junho, mas sem voltar ao mesmo nível de abril.
 
Nove dentre os treze componentes do PIB mensal apresentaram avanço mensal dessazonalizado em junho. As maiores altas foram observadas nos dois componentes que mais recuaram em maio: serviços de transporte avançaram 11,0% e a indústria de transformação avançou 8,6% (após recuarem 8,2% e 6,6%, respectivamente, em maio)
 
Para julho, com base em indicadores coincidentes já divulgados, projetamos, por ora, ligeira queda mensal dessazonalizada de 0,2% do PM-Itaú.
 
Cabe ressaltar que revisamos a metodologia de cálculo do nosso indicador mensal de atividade econômica no final de 2017. A série revisada possui maior correlação com o PIB trimestral divulgado pelo IBGE. Para metodologia completa, ver o relatório Revisão na série do PIB mensal Itaú Unibanco.
 
Artur Manoel Passos
Alexandre Gomes da Cunha
 
 
Confirano anexo a íntegra do relatório preparado pelos economistas do departamento de Pesquisa Macro econômica do Itaú,
Mário Mesquita, economista chefe

Clique aqui para acessar o aquivo PDF

Fonte: Depto Pesquisa Macro Econômica do ITAÚ Artur Manoel Passos e Alexandre Gomes da Cunha





Indique a um amigo     Imprimir     Comentar notícia

>> Últimos comentários

NOTÍCIAS DA FRANQUEADORA E EMPRESAS DO SEGMENTO


  Outras notícias.
IMPOSTO DE RENDA: 628 mil declarações caíram na malha fina 10/12/2018
IMPOSTO DE RENDA: 628 mil declarações caíram na malha fina
 
PETRÓLEO Queda no Preço Internacional afetará Contas Federais 09/12/2018
PETRÓLEO Queda no Preço Internacional afetará Contas Federais
 
RECEITA FEDERAL libera Consulta à Restituição do IR na 2ªfeira 08/12/2018
RECEITA FEDERAL libera Consulta à Restituição do IR na 2ªfeira
 
IMPOSTO DE RENDA  628 mil declarações caíram na malha fina 07/12/2018
IMPOSTO DE RENDA 628 mil declarações caíram na malha fina
 
STARTUPS - BNDES lança programa para atender startups 07/12/2018
STARTUPS - BNDES lança programa para atender startups
 
MINISTÉRIO DA FAZENDA Fazenda sugere Mudança das Regras de Reajuste do Salário Mínimo e Fim do Abono Salarial 06/12/2018
MINISTÉRIO DA FAZENDA Fazenda sugere Mudança das Regras de Reajuste do Salário Mínimo e Fim do Abono Salarial
 
DÓLAR  sobe pelo segundo dia e fecha cotado a R$ 3,86 06/12/2018
DÓLAR sobe pelo segundo dia e fecha cotado a R$ 3,86
 
Desocupação no Brasil subiu para 12,5% entre 2015 e 2017 05/12/2018
Desocupação no Brasil subiu para 12,5% entre 2015 e 2017
 
ILAN GOLDFAJN alerta que manutenção da Selic e inflação dependem de reformas 05/12/2018
ILAN GOLDFAJN alerta que manutenção da Selic e inflação dependem de reformas
 
FMI Investimento Público no Brasil Menor que em Países Emergentes 02/12/2018
FMI Investimento Público no Brasil Menor que em Países Emergentes
 
Escolha do Editor
Curtas & Palpites
JORNAL FRANQUIA - Todos os direitos reservados 2009