Home   |   Expediente   |   Publicidade   |   Cadastre-se   |   Fale Conosco             

Investimentos

11 de Maio de 2018 as 23:05:26



Investimentos - B2W DIGITAL Resultado no 1º Trimestre/2018: TopLine POSITIVO



B2W Digital - Resultado no 1º Trimestre de 2018
 
TopLine Positivo, mas margens abaixo do esperado
 
A partir do 1T18, a B2W incorporou em seus números as novas práticas contábeis implementadas pelo CPC 4/IFRS 15 e CPC 48/IFRS 9. Os principais impactos foram no GMV e na receita bruta, que agora são apresentados líquidos de descontos condicionais (anteriormente os descontos eram contabilizados no resultado financeiro) e deduzidos de vendas com partes relacionadas.
 
Ainda assim, as alterações não possuem nenhum efeito tanto no EBITDA quanto no lucro líquido.
 
Dito isto, consideramos os resultados da B2W durante o primeiro trimestre do ano mistos. Do lado positivo, o GMV expandiu 24,1% a/a, acima da média de mercado de +11,0%, de acordo com o Ebit, mostrando que a B2W começou a recuperar market share.
 
Além disso, o fluxo de caixa operacional melhorou substancialmente, cerca de 72,1% a/a, culminando em uma queima de caixa de R$ 252 mi, com uma melhor dinâmica tanto na geração de lucro operacional quanto no capital de giro.
 
Do lado negativo, no entanto, tanto o EBITDA ajustado quando o prejuízo líquido vieram abaixo das nossas estimativas em 53,5% e 22,3%, respectivamente, pressionados por despesas com VG&A e depreciação acima do esperado, embora as despesas financeiras tenham sido melhores que o projetado. 
 
De fato, já esperávamos algum desafio em projetar os resultados da companhia, não só por conta das alterações contábeis, mas também pelo fato do 1T18 ter sido o primeiro trimestre com uma operação mais normalizada após a conclusão da migração de categorias do 1P (venda direta) para o 3P (marketplace).
 
Assim, ainda que o 1T18 traga algumas dúvidas sobre se a B2W vai ser capaz de atingir nossas estimativas para o ano, especialmente em relação ao lucro operacional, preferimos manter nossas projeções inalteradas por enquanto e monitorar os resultados da empresa nos próximos trimestres.
 
Portanto, mantemos nosso preço alvo de R$ 41,20 para o final de 2018 para BTOW3, com recomendação de Outperform. BTOW3 está sendo negociada a 23,7x EV/EBITDA, de acordo com as nossas estimativas, contra uma média histórica (últimos 5 anos) de 13,6x. 
 
Após um ano de mudanças, o top line passou a média de mercado. O GMV cresceu 24,1% a/a no trimestre (-6,8% A/E), impulsionado pelas vendas no marketplace novamente, as quais expandiram impressionantes 86,5% a/a no período e atingiram uma participação de 56,4% no GMV total (+15,5 p.p. a/a).
 
Após quatro trimestres consecutivos de retração, refletindo a estratégia de migração de categorias, a operação de 1P veio flat em R$ 1,8 bi (+0,1% a/a).
 
A margem bruta apresentou uma alta substancial de 6,7 p.p. a/a, para 24.0%, impulsionada pela maior representatividade da operação de marketplace no GMV total.
 
Ainda assim, a margem EBITDA ajustada aumentou apenas 1,7 p.p. a/a, para 4,6%, impactada negativamente pelo aumento de 32,2% nas despesas com vendas e 86,1% nas despesas com G&A.
 
De fato, nas últimas conferências, o management já havia alertado que levaria algum tempo até que a companhia pudesse adaptar sua estrutura de custos à nova realidade de ser uma plataforma digital híbrida.
 
No bottom line, a margem líquida também desapontou, vindo 2,0 p.p. abaixo das nossas estimativas, em -7,8%. 
 
 
Confira no anexo a íntegra do relatório preparaado por MARIA PAULA CANTUSIO, CNPI, Analista Sênior, e FABIO CESAR CARDOSO, CNPI-P, analista, ambos do BB Investimentos

Clique aqui para acessar o aquivo PDF

Fonte: MARIA PAULA CANTUSIO, CNPI, Analista Sênior, e FABIO CESAR CARDOSO, CNPI-P, Analista, ambos do BB Investimentos





Indique a um amigo     Imprimir     Comentar notícia

>> Últimos comentários

NOTÍCIAS DA FRANQUEADORA E EMPRESAS DO SEGMENTO


  Outras notícias.
BB emprestará R$ 3,7 bi a Pequenas Empresas afetadas por Pandemia 02/07/2020
BB emprestará R$ 3,7 bi a Pequenas Empresas afetadas por Pandemia
 
O MERCADO, 01.07: IBOVESPA sobe 1,21% a 96.203 pts; DÓLAR cai a R$ 5,3105 02/07/2020
O MERCADO, 01.07: IBOVESPA sobe 1,21% a 96.203 pts; DÓLAR cai a R$ 5,3105
 
GUIA DE AÇÕES, 29.06: VEJA AQUI AS COTAÇÕES Avalie se convém investir 29/06/2020
GUIA DE AÇÕES, 29.06: VEJA AQUI AS COTAÇÕES Avalie se convém investir
 
O MERCADO, 29.06: IBOVESPA acompanhou alta em NY; DÓLAR caiu a R$ 5,426 29/06/2020
O MERCADO, 29.06: IBOVESPA acompanhou alta em NY; DÓLAR caiu a R$ 5,426
 
MARKET UPDATE SEMANAL Índice de Reabertura Econômica e Índices: 20 a 26.06 27/06/2020
MARKET UPDATE SEMANAL Índice de Reabertura Econômica e Índices: 20 a 26.06
 
GUIA DE AÇÕES, 26.06: VEJA AQUI AS COTAÇÕES Avalie se convém investir 26/06/2020
GUIA DE AÇÕES, 26.06: VEJA AQUI AS COTAÇÕES Avalie se convém investir
 
O MERCADO, 26.06: IBOVESPA cai 2,24% a 93.834 pts. DÓLAR sobe a R$ 5,460 26/06/2020
O MERCADO, 26.06: IBOVESPA cai 2,24% a 93.834 pts. DÓLAR sobe a R$ 5,460
 
O MERCADO, 25.06: BOVESPA sobe 1,7% a 95.983 pts. DOLAR a R$ 5,327 25/06/2020
O MERCADO, 25.06: BOVESPA sobe 1,7% a 95.983 pts. DOLAR a R$ 5,327
 
GUIA DE AÇÕES, 25.06: VEJA AQUI AS COTAÇÕES Avalie se convém investir 25/06/2020
GUIA DE AÇÕES, 25.06: VEJA AQUI AS COTAÇÕES Avalie se convém investir
 
VAREJO - Relatório Setorial: Ótimas Perspectivas no E-Commerce favorece Empresas 25/06/2020
VAREJO - Relatório Setorial: Ótimas Perspectivas no E-Commerce favorece Empresas
 
Escolha do Editor
Curtas & Palpites